Arquivo de etiquetas: coisas

Parabéns Manela

Sou dos que gosta muito de Manuela Moura Guedes, tenho-a como uma belíssima profissional, pela dedicação, desassombro e lucidez com que cumpre o seu ofício, e o tempo tem-lhe dado razão em relação a tantos conluios e compadrios por ela […]

Ler mais

Ao sol de Inverno

Não gosto de chuva, então tocada a vento, mas sei bem sei a falta que faz, mais a mais agora que vejo como a terra a deseja. Cá pelo Alentejo caíram umas pingas que sempre deu para a amaciar e […]

Ler mais

Exposição de Árvores de Natal

Anda por Lisboa aproveitando o feriado? Estava a pensar em sugerir-lhe uma exposição de árvores de Natal, que lhe parece? Está aberta ao público durante todo o dia de hoje e também amanhã sábado, depois acabou-se! Portanto digamos que é […]

Ler mais

O escritório

Temos planos cá no monte para o próximo ano que envolvem obras consideráveis, por isso pensámos em substituir já a casa dos arreios por um pequeno escritório, indispensável para os meus afazeres (também haverá novidades nesse aspecto) e para os […]

Ler mais

Alexandra na Tapada das Necessidades

São quatro as capas da revista “Cristina” deste mês de Novembro, sendo que estou numa delas por ter conduzido a conversa com a Alexandra Lencastre, a protagonista. Foi uma conversa franca entre pessoas que se gostam e respeitam, e onde […]

Ler mais

Poente

Gosto do entardecer que é quando o sol tudo oura. O branco do monte parede incendiar. Sei que me repito sempre que nesta terra encontro pouso, mas tal milagre é de endoidar!

Ler mais

Pesqueirinha

Medrou, e de que maneira! Enfezada e pulguenta assim nos chegou com mês e meio, não mais. A mãe havia sido atropelada na estrada e o irmão sem o alimento materno também não sobreviveu. Agarrou-se às saquetas “whiskas” como se […]

Ler mais

Selfies de uma tarde

Começou às 10 mas o combinado era que as figuras que doaram a sua roupa lá estivessem entre as 13 e as 16 horas. Foi o que fiz e assim tive oportunidade de encontrar pessoas que admiro deste mundo da […]

Ler mais

Viver no campo!

Não … ainda não vivo, “faço de conta” sempre que posso e sinto-me canhestro em funções tão básicas como a de dar de comer às ovelhas ou espalhar a palha no campo para ajudar ao sustento das éguas, agora que […]

Ler mais

Azular

Não serei original se lhe disser que prefiro o azul entre todas as cores (assim será com a maioria das pessoas), do azul real ao azul púrpura, passando pelo azul céu, e outro ainda de um claro mais claro, quase […]

Ler mais