O senhor de Matosinhos

Há um ano, por esta altura, vibrava com a ideia do chef Rui Paula, meu companheiro de júri no MasterChef, ir explorar a antiga casa de chá da Boa Nova, em boa hora requalificada pela Câmara Municipal de Matosinhos, através de profundas obras de recuperação do edifício e reprodução do mobiliário, de acordo com os desenhos originais de Siza Vieira e sua permanente orientação, pondo-se assim fim aos anos de abandono a que esteve votado aquele que é desde 2006 Monumento Nacional. Não tinha dúvidas que seria um sucesso, a começar pela beleza e singularidade do projecto em si, símbolo absoluto do que se entende como inserção da arquitectura na paisagem e que marca o início da carreira do nosso mais conceituado arquitecto, vencedor, em 1992, do prémio Pritzker, e a terminar na criatividade culinária e bom gosto de Rui Paula.

O chef entendeu o mar, que ali nos enche o olhar, como fonte de inspiração e por isso no prato o festim é do peixe e do marisco, em interpretações modernas, ousadas e inevitavelmente arrebatadoras. Se a tudo isto acrescentarmos a impecabilidade de todo o serviço, tenho para mim que este recente sonho de Rui Paula é mais do que merecedor de uma estrela Michelin. Tenho dito!

fotografia 1 (1) fotografia 2 (2) fotografia 3 (1) fotografia 4 fotografia 5 fotografia 1 fotografia 2 (1)

4 comentários a “O senhor de Matosinhos

  1. Flor Pereira

    Tantas vezes que na minha juventude que lá fui beber uma chazinho.
    Gostava dos dias frios de inverno, para da parte de dentro poder olhar o mar revolto nunca parado, que me transmitia uma sensação de poder e ao mesmo tempo de tranquilidade.
    E já lá vão tantos anos…
    Nunca mais lá voltei!
    Coisas da vida.

    Responder
  2. Ana Reis

    Realmente imagens maravilhosas que convidam a conhecer o espaço. Pena o erro da folha do horário. Seria correto “Às” em vez de “Ás” presente no horário.

    Responder
  3. Francisco Sá

    Boa noite Manuel Luís

    Não conheço o interior do espaço, mas pelas imagens que vi, não tenho quaisquer duvidas que seja um local que possa deixar qualquer um indiferente à singularidade da sua beleza. Quem sabe um dia possa desfrutar deste fantástico espaço. Parabéns a todos quanto reabilitaram esta casa, que está ao nosso dispor para certamente passarmos bons momentos de confraternização com amigos, familiares ou até mesmo sós. Abrigado Manuel Luís por partilhar connosco esta maravilha. Parabéns Chef Rui Paula por todo o amor e profissionalismo com que se dedica a arte de cozinhar.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *