Na cidade da música!

Que “raiva”! Já é a terceira vez que venho a Salzburgo em pleno Inverno e de neve nem um floco! A cidade austríaca é lindíssima, está associada a Mozart e sua família, justamente
decorre neste momento a semana da música a ele dedicada, o motivo aliás que aqui me traz neste fim de semana que decidi alargado, e não menos importante, antes pelo contrário, é o seu festival de ópera, que todos os anos se realiza por alturas do Verão (o nosso Presidente era “habitué”, antes das suas funções em Belém), para além do muito que tem para nos oferecer a nível de património religioso, ou não tivesse Salzburgo sido cidade estado da Igreja, por mais de mil anos, onde os príncipes-arcebispos tinham todo o poder, mas imagino-a coberta de branco, cenário de uma beleza indescritível, por isso a “frustração” de a ver galante, arrumada, limpa, harmoniosa, tal como sempre a vi, sem aquela alvura que me deixaria que nem criança numa fábrica de guloseimas. Também comigo tristeza não vinga mais que cinco minutos, é perda de tempo. Lá fui, então, começar o dia no Tomaselli, café há mais de trezentos anos, que em cada cidade tenho os meus rituais que repito sempre que a elas regresso, isto antes de entrar na Catedral, que conheço apenas de uma noite de Natal, onde assisti à mais bela de todas as missas do galo, imagine só, acompanhada com orquestra e coro, de ir à abadia de São Pedro, de visitar um pequeno e inesperado museu de que lhe falarei um dia destes, de passear por ruelas e praças graciosas com suas lojas de marca, outras nem por isso, que há para todas as bolsas, de antiguidades, jóias, outras de bugigangas, se bem que a cidade prime, toda ela, pela elegância. Depois do almoço, um pulo a Hallstatt, apenas a uma hora de carro, um verdadeiro “bilhete postal” de tirar o fôlego, só por si a merecer um escrito à parte. Fiquemo-nos por aqui, que já me chamam para a janta e por estas bandas não resisto a bisar um Wiener Schnitzel.

10 comentários a “Na cidade da música!

  1. Maria Natália Mendes Pinto

    Já tinha escrito para Manuel Luis Goucha a pedir ajuda para por os dentes porquê não tenho dinheiro para por estou a pedir porquê me custa comer ajude-me por favor neste momento estou em França vivo em Besançon estou em casa porquê me deram uma invalidez porquê fui operada às costas uma erni discal e também faço muita medicação sou diabética ajude me por favor bjs sou portuguesa

    Responder
  2. M.j.

    EU tb me encanta a Austria en Geral más ha una aldeia que fica mt perto de un lago que ahora nao recordo o Nome onde tem un monte de lojas más básicamente venden artesanato e ha unas que so venden os famosos bombons de choco e licor e EU cheguei la de treno puxado a caballos maravilhoso

    Responder
  3. Lúcia Cabaço

    Olá! Aguçou-me a vontade de ir a essa cidade e Hallstat. Só conheço Viena. Que inveja (da boa) dos concertos de Mozart ( sou professora de música). Convido-o a assistir ao concerto da Missa em do m de Mozart com coro (onde eu canto) e orquestra em Torres Novas dia 3 de Maio. Continuação de um excelente fim de semana! Cumprimentos!

    Responder
  4. Flora Maria Faria Alves

    Estrondasamente belas fotos..obrigada por partilhar connosco esse belo lugar…que pelas fotos ja dá para imaginar…aproveite bem este fim de semana..beijinhos

    Responder
  5. Paulinha Velez

    MLG
    Para quem nao conhece é uma verdadeira aula de conhecimento o seu post.. E as fotos sao fantásticas.. Uma cidade que parece um postal ilustrado.. Com musica à mistura..
    Obrigado da pela partilha
    ❤️

    Responder
  6. Maria

    Sr Goucha tem um erro ortográfico, coisa rara na sua pessoa, que tão bem escreve. A escrita inteligente dos tlm e afins, por vezes tramam nos. Tenham um bom regresso. Obrigada por patilhar todas essas maravilhas. Bem haja. Bjs

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *