Quem casa quer casa!

Lembram-se dos dois pares de gansos que comprámos, há uns dois meses, no mercado dos sábados em Estremoz? Pois, lá andam felizes na barragem se bem que volta e meia tema por eles, que há javalis pelas redondezas a ver pelas tigelas em barro com comida que lhes deixamos nas margens e aparecem depois longe do local onde foram colocadas e sem semente que seja.

Também por isso decidimos mandar fazer uma jangada com espaço suficiente para lhe botarmos uma casota (tínhamos uma onde a “Azeitona” ficava, para se familiarizar com as ovelhas quando voltavam ao redil e que já não é necessária, uma vez que agora a herdade já é toda dela), os recipientes para a paparoca e onde podem estar em segurança. Presa no meio da barragem a jangada aguarda agora os emplumados habitantes. Vai levar algum tempo até que se habituem a tal flutuante aventesma.

Instalá-la foi divertido para começo de tarde, sendo que a tarefa ficou a cargo do Rui ajudado pelo Miguel, um funcionário da empresa a quem encomendamos sempre os trabalhos de carpintaria e que se tem mostrado exemplar naquilo que faz. Já este que escreve ficou a fotografar tudo para agora lhe contar como foi.

Esperam-se nos próximos tempos os devidos acasalamentos, que “apartamento” já têm e que a seu tempo estas águas venham a ganhar novos moradores.
E assim vai a vida cá no campo!

https://mpratesefilhos.pt/carpintaria

26 comentários a “Quem casa quer casa!

  1. Alexandra Fernandes

    Ola Mlgoucha e Rui,sempre que vou ao vosso blog,choro de alegria de ver a vossa felicidade.
    Continuação de boas ferias.

    Responder
  2. Isabel Moura

    Nem sabe a inveja () que fiquei dos seus gansos!!! Eu estou há mais de 6 anos fechada dentro de quatro paredes… podia pôr uma casinha dessas um pouco maiorzinha, perto do caseiro e deixava-me ir para aí apanhar esse ar do Alentejo!! Podia ser que melhorasse… um abraço. Seja Feliz!!

    Responder
  3. Maria Sousa

    Olá Manuel

    Bem haja pelo seu amor pela natureza e pelos animais que tanta estima. É simplesmente lindo as imagens e dedicação ao seu Monte.
    Beijinho grande para ambos

    Maria Sousa

    Responder
  4. Beo Esmeralda

    Olá meus queridos. É a primeira vez que me atrevo a fazer algum comentário, não sou muito dada às redes sociais, mas sigo o vosso blg com grande admiração, a mesma que tenho por vós. Vejo as fotos publicadas no Instagram e reparo que nunca mais vi as do vosso cão Poejo, aconteceu-lhe alguma coisa? Estou curiosa porque também tenho um cãozinho e se algum dia me acontecer alguma coisa, só a vós eu confiaria o meu menino, é que as pessoas que me rodeiam, têm pouca paciência para animais e já lhe fizeram algumas maldades. Desejo-vos as maiores felicidades do mundo e quando poderem respondam.Tenho saudades de conversar com Pessoas. Bjs repenicados da Beo. Fiquem bem

    Responder
      1. Beo Esmeralda

        É tão bom saber que alguém me escuta, estou mesmo feliz. O Poejo está lindo, como todos os cães o são ( pelo menos para mim). Obrigado por me dar atenção e quando quiser conhecer uma história de mudança de vida radical, procure-me, eu estou perto, vivo em Vaiamonte. Bjs repenicados e fiquem bem. Gosto muito de vós

        Responder
  5. Carla lopes

    Lindo Manuel tem ideias maravilhosas, fez me lembrar a uma 12 14 anos atrás. A minha filha, e filha única na altura queria uma prenda , então o meu marido quis oferecer uma prenda original. Levou nos a um oviario e comprou 5 patinhos bebés. Delicia para a nossa filha. Temos um tanque enorme, onde se habituaram a viver durante o dia. Fizemos também assim uma casinha flutuante onde eles comiam e repousavam durante o dia. No final do dia era só fazer qua qua e eles saiam do tanque e iam em fila indiana para a casa onde ficam a noite. Era lindo todos tinham nome . Com o tempo foram dissintindo a vida também mudou. Felicidades a vocês os dois que são um encanto de pessoas.

    Responder
  6. Maria Caro

    Que lindo é a vida ao ar livre as coisas tem outra vida outros sabores até os patinhos se devem sentir tão felizes com uma casinha no meio do lago agora é só continuarem felizes. Um beijinho

    Responder
  7. Maria de Fátima Pereira Mesquita

    Que Maravilha! Esperamos para ver o que vai acontecer nessa casinha fantástica através das fotos Que, como já sabe, são sempre lindas! Obrigada.

    Responder
  8. Maria Isabel Rodrigues

    Nem todos conseguem ter uma “vivenda” em pleno lago! Parabéns Manuel Luís pelo sonho trabalhado e alcançado a pouco e pouco. Viver em contacto com a natureza, rodeado pelos animais, cuidar deles com esmero, direi mesmo amor, é uma bênção. Continue a sonhar e a ser feliz.

    Responder
  9. Maria Augusta Pereira

    Que ternura de ideia!!
    Deve ser um tremendo gozo ver os habitantes da barragem em segurança, e depois mais tarde aumentarem a familia.
    Parabéns!!

    Responder
  10. Paulinha Velez

    MLG

    A Venesa dos gansos do Monte da Petisqueirinha que maravilhaaaaaa 😉 assim estaram a salvo sem duvida e tendo ali comida rapidamente se habituam….lindoooo

    Responder
  11. Isabel Viegas

    Só tenho uma questão? Como se enche as malgas.? Fiquei curiosa., mas possivelmente têm um sistema de roldanas de vai e vêm…?

    Responder
  12. Alexandrina Dias

    Adorei que ideia tão maravilhosa e para o bem dos patinhos. Todas as pessoas deviam ter assim umas ideias para proteger os animais. Beijinhos e boas férias mas já faz falta no você na TV juntinho con a Cristina os dois são a melhor dupla. Beijinhos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *