O mundo é uma poesia… e está aos nossos pés

fotografia 1

Esta manhã tanto a Cristina como eu, e sem que previamente o tivessemos combinado, exibimos sapatos das nossas respectivas colecções. Foi um regabofe pegado, que é  sabido que tiramos  partido de tudo.  Estes que hoje  calcei  são os sapatos Paris. E outro modelo existe de igual modo baptizado, porque com o mesmo intuito: o de evocar a cidade, ou destino, de que mais gosto,  através do meu jeito de a ver e de a sentir. A preto e branco, porque as tenho como cores da elegância e com uma frase em comum, ainda que trabalhada de forma distinta: “le monde est une poesie”.

Foi numa tarde em Saint-Germain des Près, entre o Café de Flore e a Brasserie Lipp, um e outro cúmplices dos mais variados movimentos filosóficos, literários e políticos, sobretudo no século XX, que dei de caras com os quadros do pintor indiano Yaseen Khan. Entre eles aquela frase, a um tempo simples e complexa, interpelando-nos e convocando-nos à mudança. Parei e é disso que Yaseen gosta: “faz-me feliz quando as pessoas param olhando os meus quadros, não importa se os vão comprar, é como se experimentássemos um encontro de almas! É fantástico!”. Há dias em que isso não acontece, tantos: “as pessoas passam e nem olham, vêem a frase e chegam a vociferar – merda! Acha que o mundo é uma poesia?”.

Muito em breve voltarei a Paris, para mais um fim de semana, calçarei os sapatos e irei à procura de Yaseen, para lhe dizer que, entre a nostalgia e o mistério, procuro construir o meu mundo onde a Arte é fermento. E que acredito que cabe a cada um a criação do seu paraíso, o outro de que tanto nos falam é pura imaginação. Sim, a vida é uma poesia!

Podem-me levar tudo e deixar-me a lua. Ela será a minha janela.

image

image

image

image

A colecção Destino(s) está à venda em todas as lojas Eureka.

12 comentários a “O mundo é uma poesia… e está aos nossos pés

  1. Monica Silva

    Ola Manel Luis
    Antes de mais os meus parabens por serem como sao.
    Quanto aos sapatos… Adoreeiiiiii 🙂
    Um grande beijinho e obrigada por serem a minha companhia. Um grande beijinho para a Grande Cristina.

    Responder
  2. Monica Silva

    Ola Manel Luis
    So tenho que vos dar os meus parabens. Dupla imbativel.
    Quanto aos sapatos…Adoreeeiiiiii 🙂
    Beijinhos e muitas felicidades. Beijo grande tambem para a Cristina.

    Responder
  3. Maria Amélia

    Olá Manuel Luís,
    Quase que dá para cantar o “eu tenho dois amores” em relação aos seus sapatos!
    Gosto de ambos, uns mais para o dia a dia e outros para um dia mais festivo! Clap Clap! Lindos, repletos de bom gosto!
    Quanto a Paris, sem querer parecer o querido do Malato, ai eu já fui tão feliz em Paris e ainda espero ser muito mais.
    E eu acho que o mundo é uma poesia. 🙂
    Um beijinho e uma semana feliz.
    http://ofabulosodestinodemariaamelia.pt/

    Responder
  4. Hélder Oliveira

    Olá Manuel Luís 🙂

    Adoro os sapatos, são lindíssimos.
    Quando for a Paris não se esqueça de colocar muitas fotos para partilhar connosco imagens de uma cidade maravilhosa.
    Adoro Paris e um dia irei visitar.
    Abraço

    Responder
  5. Sonia Santos

    Eu gosto da coleção toda , muito parabéns . O Manuel e a Cristina fazem campainha a dezenas de idosos , onde trabalho onde mesmo o programa ir pra intervalo , recusam mudar de canal .onde dizem estamos no intervalo do goucha e da Cristina . Abraços

    Responder
  6. Teresa Maria Belim

    Boa noite sr Manuel Goucha como sou da ilha da Madeira gostaria de saber se existe sapataria cá a vender os seus sapatos pois os acho muito bonitos está de parabéns pela vossa criatividade.
    O meu muito obrigada .
    Teresa Belim

    Responder
  7. Miguel

    Está para chegar o dia em que o Manuel Luís Goucha cometerá um erro ortográfico. Saudações de um jovem estudante em Coimbra!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *