O meu Pavlova

20131130-202625.jpg

A receita inspira-se no Pavlova, cuja paternidade é reclamada tanto por australianos como por neozelandeses. Dizem uns e outros que o doce foi criado em honra de Anna Pavlova, célebre bailarina russa, nascida em finais do século XIX em São Petersburgo. Mas mais certo é ter sido Escoffier, o rei dos chefs, o seu autor, na altura em que liderava a brigada de cozinha do hotel Ritz, de Paris.

6 claras de ovo à temperatura ambiente
250 gr. de açúcar em pó
1 pitada de sal

4 dl. de natas
150 gr. de açúcar em pó
raspa da casca de limão

bagos de uma romã

Pré-aqueça o seu forno a 150C (2 no termóstato)
Bata as claras em castelo com pitada sal, na batedeira, a uma velocidade média.
As claras estão devidamente batidas quando não tombam, ao virar a taça da batedeira de boca para baixo.
Junte a pouco e pouco o açúcar em pó, continuando a bater. Obterá assim o merengue.
Forre um tabuleiro de papel vegetal. Coloque o merengue sobre o papel vegetal, de forma pouco regular.
Leve ao forno por uma hora. O merengue vai dourar, ganhar uma capa crocante e o interior ficará macio.
Deixe arrefecer. Pode deixar arrefecer dentro do forno, com ele desligado ou apagado, e com a porta entreaberta.

Bata as natas, que devem estar bem frias, até dobrarem de volume.
Junte-lhes o açúcar em pó e continue a bater, mais um pouco até obter o chantilly. Junte raspa de limão a gosto e mexa delicadamente.

Espalhe o chantilly sobre o merengue.
Junte os bagos de romã.

Dica:
A partir desta receita pode usar a cobertura que bem entender.
Experimente com frutos vermelhos e/ou também como um creme inglês.

20131130-202649.jpg

21 comentários a “O meu Pavlova

  1. MARGARIDA ALVES

    Olá Manuel
    já fiz várias vezes receitas de pavlova e ficam sempre muito boas com um pequeno senão, é que se agarram sempre ao papel vegetal sendo depois dificil de se desprenderem . Será que tem algum truque para que isto não aconteça?
    Obrigado e Bem haja.

    Responder
    1. joao vieira

      Se utilizar o papel siliconizado ou uma passagem muito leve de margarina nesse papel na zona onde vai colocar a pavlova, resolve. Espero ter ajudado

      Responder
  2. Sílvia

    Olá gostaria de saber pra fazer pavlovas individuais (mais ou menos da tamanho de um suspiro), quanto tempo estariam as mesmas no forno. Obrigado pela sua partilha!

    Responder
  3. Maria Eneida Campos Sarabando

    Obrigada Manuel Luis , tenho feito várias receitas suas e são muito bem recebidas cá em casa, esta já fiz duas vezes hoje estou a fazer novamente tem ficado bem .muito agradecida .bem haja. ate segunda feira.

    Responder
  4. Andreia

    Olá Manuel Luís!
    Antes demais queria aproveitar uma frase “sua”, “primeiro estranha-se, depois entranha-se” é a melhor forma de me referir ao que sinto por si. É um homem com H grande. Parabéns por ser como é e por ser tão bom profissional.
    Relativamente à pavlova. Já por várias vezes fiz esta receita mas tenho sempre um problema, abate sempre. Sabe de algum truque que posso usar para não ter sempre na mesa uma pavlova abatida 🙂
    Obrigada.

    Responder
    1. lukecavaco

      Penso que o “truque” será juntar uma colher (chá) de vinagre e uma colher de maizena.
      Eu já fiz utilizando o vinagre e resultou. Não utilizei a maizena mas nas receitas que tenho consultado aparece a indicação para colocar a maizena. E quando apagar o fogão, deixar a pavlova no forno a arrefecer.

      Outra coisa que dá resultado é uma pitada de cremor tártaro (vende-se nas farmácias.

      Responder
    1. Arminda da Conceição Baiona Marques Conceição

      Vou ter que fazer a sua é que eu faço com 200g de natas e uma embalagem de mascarpone…..por cima faço uma calda em ponto com frutos silvestres adocicado a gosto. Obrigada pela partilha !

      Responder
  5. vanda tomaz ferreira

    Parece delicioso, vou experimentar. Tenho uma receita de Pavlova, mas o merengue leva 2 colheres de sopa de vinagre de maçã.
    Beijinhos e bom fim de semana.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *