Em Castelo Vide, onde tudo é muito!

(1)

castelo_vide1

É das vilas alentejanas de que mais gosto no Alto Alentejo. Por certo já a conhece por lá ter ido ou pelas imagens passadas na pantalha, que telegénica como é não admira que volte e meia seja cenário de filmes e outros enredos. Lembra-se da novela da TVI “Louco Amor”? – pois parte da sua trama decorria nesta que alguns dizem ser a “Sintra do Alentejo”, se bem que me “arrelie” essa mania de se comparar lugares, como se cada um não tivesse personalidade própria e precisasse de se encavalitar em fama alheia.

Castelo de Vide tem muito para mostrar, começando pelo património que é sempre o que mais me interessa. Casas com história, como aquela onde viveu Mouzinho da Silveira, notável filho da terra e distinto político do século XIX, tendo chegado a Ministro da Fazenda, ou a do Arcário , onde segundo a tradição vivia quem tinha como responsabilidade guardar a arca, ou caixa forte, cheia da cobrança dos impostos ou esta outra, a Casa de Matos (2) já dentro do burgo medieval, para lá das muralhas do castelo (3), onde se diz que D.Dinis se encontrou, ou alguém a mando dele, com os embaixadores de Aragão para se ratificar o contrato de casamento com Isabel, mais tarde santa.

Igrejas contei-as para cima de uma vintena, soube depois que tirando a matriz consagrada a Santa Maria da Devesa (4), muito possivelmente o maior templo do Alto Alentejo, com a sua imponente nave (5), todas as demais estão fechadas, por não haver quem as vigie com responsabilidade, pelo que a maior parte das suas imagens sacras estão ali reunidas constituindo impressionante acervo museológico. De tudo o que vi foi o que mais me deslumbrou, conhecida que é a minha paixão pelas representações artísticas da Fé. Imperdível. (6)( 7)(8)(9)(10)(11)

Muitas são também as fontes que embelezam a vila, pelo menos por quatro passei: pela Fonte do Ourives (  logo à saída da Matriz) assim baptizada por no local ter havido quem oficiasse em tal  mister (12), com seus quatro tanques semicirculares; pela Fonte do Monfortinho, com chafariz redondo, tronco em cone, encimada  por figura menineira empunhando um tridente (13); pela Fonte da Mealhada, das mais imponentes, com suas quatro bicas em forma de cabeça de leão ( 14), jorrando a água que leva o nome da vila, e como não poderia deixar de ser o ex-libris do burgo, a Fonte da Vila (15)(16), construída no século XVI, reinava D.João III. Fica no Largo José Frederico Laranjo, outro ilustre (jurista, professor universitário, deputado pelo Partido Progressista e par do Reino), que até no que toca às sumidades esta terra é farta (acrescente-se Garcia de Orta, Ventura Porfirio, Salgueiro Maia…). Dali é entrar na Judiaria, não deixando de passar pela Sinagoga (17)(18)(19)(20), para que a memória não esqueça do que o homem é capaz. “Um povo que não conhece o seu passado é um povo sem futuro” (dito hebraico).

Mas muito mais há para ver, que toda a vila é supimpa!

(2)

castelo_vide2

(3)

castelo_vide3

(4)

castelo_vide4

(5)

castelo_vide5

(6)

castelo_vide6

(7)

castelo_vide7

(8)

castelo_vide8

(9)

castelo_vide9

(10)

castelo_vide10

(11)

castelo_vide11

(12)

castelo_vide12

(13)

castelo_vide13

(14)

castelo_vide14

(15)

castelo_vide15

(16)

castelo_vide16

(17)

castelo_vide17

(18)

castelo_vide18

(19)

castelo_vide19

(20)

castelo_vide20

22 comentários a “Em Castelo Vide, onde tudo é muito!

  1. maria jose

    Castelo de Vide terra onde fui batizada e onde costumo ir passar uns dois a tres dias de ferias,tive la em Agosto mas ja tenho saudades.Você tirou uma foto á fonte da vila essa fonte o meu pai adora ela.Essa terra tem tudo.Os meus pais casaram la eu fui batizada,hoje em dia tenho um filho com 12 anos que adora ir passar ferias a Castelo de Vide.A agua é maravilhosa a agua da fonte da mealhada entre outras coisas é tudo maravilhoso.E por fim desejo tudo de bom para si sr Manuel Luis Goucha e para a Cristina que vos adoro ver.Naqueles dias que estou um pouco em baixo são voces que me fazem rir.Bjinhos para si e para a Cristina.Adorava conhecer vos pessoalmente.É um sonho que tenho ir ao vosso programa.

    Responder
  2. Maria Ferreira

    Castelo de Vide a terra da minha querida mãe, onde tantas vezes na minha adolescência passei férias.
    É uma terra linda. Adorei as fotos. E o Manuel Luis escreveu um texto maravilhoso.

    Obrigada pela partilha
    Continuação de boas férias

    Responder
  3. Isabel

    Os meus avós maternos eram naturais de Castelo de Vide, fui lá algumas vezes não tantas como desejaria, mas sempre que ouço falar ou vejo imagem de lá sinto qualquer coisa que não sei explicar, é mesmo uma vila muito bonita, concorde consigo a nossa Sintra é a nossa Sintra com a sua beleza e não há necessidade de comparação.
    Tudo de bom e continue a amar o Alentejo e a presentear-nos com o seu programa na companhia da Cristina porque são uma dupla fantástica.

    Responder
  4. carla pernes

    Benvido ao meu e agora seu alentejo.
    Castelo de vide é sem dúvida uma das vilas mais bonitas.
    Tem de voltar ficou muito por ver, existe um senhor que você iria adorar conhecer chama-se carolino tapadejo tem uma grande sabedoria.

    Responder
  5. M Jose Leite

    Tambem adoro o alentejo, adoro Castelo de Vide. Tenho uma casinha na freguesia de Povoa e Meadas, a 11km de Castelo de Vide, por isso conheco bem a cidade. Povoa e Meadas tem imensos vestigios de todas as epocas, como pre-historicos, visigodos, romanos e outtos. Tem um menhir muito especial. Tem foral. E uma regiao que deve ser visitada, nao so pela beleza mas tambem pela sua historia. Este ano, infelizmente houve um grande incendio na barragem da Povoa, no festival andancas. Se gosta de historia, visite. Obrigada por falar e mostrar uma cidade de que gosto tanto. Boas ferias.

    Responder
  6. Belmira Barroqueiro

    Boa noite adorei ler o texto de castelo de vide pois sou natural de lá nascida e batizada.fiquei com muita mas mesmo muita pena de não o ter encontrado sou sua admiradora incondicional sua adorava conhecê lo não vivo muto longe vivo numa aldeia pequena a quatro quilómetros de castelo de vide chamada Escusa que também tem uma coisa interessante para visitar os fornos da cal se alguma vez vier adorava levá lo a conhecer era um sonho para mim à muitos anos que sou sua admiradora obrigada pelo que nos ensina obrigada mesmo beijinhos

    Responder
  7. maria do alecrim

    Boas férias Manuel Luis e bem-haja pela descrição e fotos, que são bem convidativas!
    Somos capricornianos e, por certas coisas que diz e que eu também sinto, este signo é mesmo muito especial, ou… tem pessoas muito especiais.
    Um beijo
    Maria do Alecrim

    Responder
  8. Maria Emília Cunha Lopes

    Adorei as fotos Manel, mais uma vez obrigada, fico a conhecer mais coisas,um bonito lugar. E como sempre o Manel, soube bem a lição. Além de nos mostrar coisas lindas,dá- nos uma lição de história. É isso k eu o admiro mt. Que essa cabeça nunca deixe de funcionar é o k mais lhe desejo. Continue por mts anos e bons a ser a mesma pessoa. Um grnd abraço e um Bjio. Um abraço tbm para o Rui por o fazer um Homem feliz

    Responder
  9. Alice

    Obrigada,Luís Manuel Goucha.Conheço de visita Castelo de Vide,linda Vila com os seus recantos e encantos!!mas não sabia nada do que nos publicou.Uma linda história que essa linda Vila tem. Obrigada,por nos oferecer uma parte da sua cultura!!muito importante conhecermos melhor o que em cada povoação se passou.Sou uma grande fã do Alentejo,embora viva perto de Lisboa;mas a minha avó era do Crato e faziam searas de linho!!eu há sete anos comprei no Concelho de Odemira,no campo uma casa de 1928com 1.000 metros de terreno seis oliveiras e uma Figueira.É lá que a minha filha passa as férias com minha neta.Eu em 2.014 tive um acidente grave perto de Grândola e fiquei traumatizada!!fui novamente operada há dois meses e agora ando a fazer fisioterapia;mas quero ficar boa para terminar os trabalhos que resta fazer na casa e o Jardim.A vida muitas vezes é cruel!!não fui culpada do acidente.Quero lhe dizer bom amigo que o admiro muito,pela cultura que tem,pelo bom programa naTIVo e por não esconder a sua homossexualidade!!parabéns.Em France (Paris)convivi com muitos!!são pessoas maravilhosas e que dão muito carinho às Senhoras e educados.Parabéns e continue a ser como é.Um inorme beijinho com muito respeito.Alice Costa.

    Responder
  10. Elisabete santos

    Boa noite,
    É sempre um prazer ouvir falar bem da nossa terra , ainda bem que gostou , tb falta aqui a lindíssima igreja de Nossa sra da penha, a que fica no alto da Serra de S.mamede, de lá pode avistar umas paisagens maravilhosas.
    Entre outros recantos maravilhosos que a vila tem.
    Espero que tenha sido mto bem recebido, como é normal do povo castelovidence.
    Beijinhos cá em casa gostamos mto de si e da Cristina.

    Responder
  11. Olivia Bento

    Manuel Luis,
    Fiz uma curta viagem com as fotografias.
    Gostei muito da descrição sobre Castelo de Vide, não esquecendo as comunidades judaicas.
    Espero que tenha bebido água fresca das fontes da Vila.
    Bem haja por este momento cultural e histórico.
    Olivia Bento

    Responder
  12. Sandra Marques

    Olá Manuel fui ai passar uns dias há cerca de 2 anos e adorei, todos os cantos e recantos. Lindo lindo quero voltar. Continuação de boas férias. Um abraço e um beijinho

    Responder
  13. Bruno

    Foi com muita pena que vi o estado de degradação e insalubridade da “cidade” intra-muros. Era Agosto, e não se podia quase respirar em determinadas ruas. Apesar disso, gostei muito de a visitar. O alentejo é um diamente à espera de ser polido! Uma beleza sem igual!

    Responder
  14. Celeste Maria

    Boa tarde Manuel Luis! Recordo pelas imagens a novela ” Louco Amor ” . Agora também entendo a razão de ter escolhido como sua segunda casa, esta região ,conhecida como sendo a “Sintra” do Alentejo.

    Responder
  15. Maria do Céu Machado

    Parabéns Manuel Goucha pelo seu bom gosto em ter escolhido esta linda terra para ter uma casa sua e fazer férias que deve ser maravilhoso viver aí.

    Gosto muito de si Goucha, mas faz falta no programa da manhã que faz com a Cristina que não deixo de o ver todos os dias, mas o programa só com a Cristina não tem o mesmo interesse e nem o tenho visto.

    Regresse rápido que faz muita falta no programa, mas desejo-lhe umas ótimas férias.
    Aceito com muito carinho o meu abraço de coração.

    Responder
    1. Gui Santos

      Ola Goucha. Não conheço mas fiquei com vontade de visitar. Adoro todo o Alentejo! Então e hoje, não cuscamos a sua roupita? Sempre tão catita…e de um bom gosto…Admiro-o muito. Jinho

      Responder
      1. M jose Leite

        A cidade de Castelo de Vide e linda. A 11km existe a freguesia de N. Sra. de Povia e Meadas com imensos vestigiios pre-historicos, visigidos, romanos etc. E uma aldeia antiga que tem foral. Tem uma grande barragem onde infelizmente este ano houve um incendio, no festival andancas. E uma regiao a visitar nao so pela beleza mas tambem pela sua historia. Obrigada por falar e mostrar um bocadinho do alentejo que amo. Boas ferias e que seja muito feliz.

        Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *