A “FOLAR” É QUE A GENTE SE ENTENDE!

Em atapetando-se a porta da rua com flores cheirosas, era certo e sabido que lá em casa haveria de passar o senhor prior, de sobrepeliz e estola, mais o sacristão, de opa vermelha, e o rapazete da caldeirinha. Isto, em Coimbra, já lá vai um ror de anos. Aspergido de água benta ainda me recordo em ajoelhação e pousando emocionada beijoca na cruz. Agora o que me intrigava era a rapidez com que com que alguém guardava a nota que antes colocávamos sobre laranja lanhada, posta na mesa pascal, entre folares, ovos tintos e “calinhos” de vinho abafado.

A encantação começava antes, na quinta-feira santa, quando pela mão da minha avó, corria as igrejas da cidade, e sete teriam de ser, todas elas decoradas num triunfo de luzes e rosmaninho. Lembro-me de atribuir pontuações, como se de um concurso se tratasse, mas por certo nunca tive coragem de atrapalhar, com tais desvarios, as rezas e benzeduras da avó Palmira. Já na sexta da Paixão, não se comia carne, não se via televisão, nem música se ouvia. Os cinemas fechavam e o país mergulhava numa imposta, mas não sei se sentida, tristeza à espera das aleluias.

fotografia-302Folar da Páscoa

Ponha 1 quilo de farinha num alguidar e faça uma cova ao meio onde deita 80 gramas de fermento de padeiro dissolvido num pouco de água tépida. Junte 8 ovos inteiros, 125 gr. de manteiga, previamente derretida em banho-maria, e 250 gr.  de açúcar. Misture tudo com a farinha. Amasse bem, de modo a obter uma massa bem ligada e elástica. Salpique a massa com farinha e tape o alguidar. Deixe que a massa dobre de volume. Uma vez a massa medrada, separe-a em quatro porções iguais. Molde cada porção de massa em bola e achate o centro com o cotovelo, como manda a tradição. Disponha sobre a massa os ovos cozidos (para que fiquem castanhos coza-os em água com cascas de cebola) e prenda-os com tiras de massa. Pincele cada folar com gema de ovo e disponha-os no tabuleiro de ir ao forno. Deixe levedar uma vez mais, antes de os levar a cozer, a 180ºC.

5 comentários a “A “FOLAR” É QUE A GENTE SE ENTENDE!

  1. Cristina Rodrigues

    Parabéns Manuel Luis pela sua sensibilidade que só demonstra que é uma pessoa muito bem formada.Sabe brincar com classe, sabe até onde pode ir o que revela ser dono de uma educação que pouco se vê nos dias de hoje. Somos os dois Capricórnios (Manuel de 25 e eu de 26 de Dezembro) lutadores cada um à sua maneira. Admiro a sua frontalidade para discutir qualquer assunto o que representa uma evolução através dos tempos. Para mim o único Gentleman de todas as TVs. Continue assim e que eu veja por muitos anos. Um Bem Haja por existir. Boa Páscoa para si e sua família. Beijinho Cristina

    Responder
  2. CAROLINA RODRIGUES

    meu amigo GOUCHA espero que esteja a passar uma SANTA PASCOA quanto ao folar eu gosto muito mas ainda não fiz, porque tenho medo de não conseguir fazer estragar ingredientes, e não está para desperdícios. beijos até logo que eu fico sempre colada ao televisor até acabar a tua cara não me é estranha.

    Responder
  3. maria soledda dionisio pires

    Na páscoa eu vivia na altura na amadora e nunca houve grandes tradições da parte da minha família o meu pai comprava amêndoas de licor em avulsos eram muito boas e mais nada de especial portanto as coisasccontinuam mais ou menos da mesma forma desejo lhe uma feliz páscoa para si e toda a família beijinhos.:-)

    Responder
  4. Edla gomes

    OBRIGADA E UMA SANTA E FELIZ PASCOA TUDO DE BOM ……Perguntei a um sábio ,
    a diferença que havia
    entre amor e amizade,
    ele me disse essa verdade…
    O Amor é mais sensível,
    a Amizade mais segura.
    O Amor nos dá asas ,
    a Amizade o chão.
    No Amor há mais carinho,
    na Amizade compreensão.
    O Amor é plantado
    e com carinho cultivado,
    a Amizade vem faceira,
    e com troca de alegria e tristeza,
    torna-se uma grande e querida
    companheira.
    Mas quando o Amor é sincero
    ele vem com um grande amigo,
    e quando a Amizade é concreta,
    ela é cheia de amor e carinho.
    Quando se tem um amigo
    ou uma grande paixão,
    ambos sentimentos coexistem
    dentro do seu coração

    Responder

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *